O mundo ao seu alcance!


Hoje você pode encher um carrinho de compras com produtos do outro lado do mundo, sem sair do sofá da sua sala. Bastam alguns cliques! Incrível, não é?


Eu sei que muitas leitoras aqui deste blog e do Viagens e Beleza já compram pela internet há bastante tempo, mas vou considerar que a maioria ainda está engatinhando nesse assunto e quanto mais clara eu for, mais fácil será para que todas conheçam um pouco mais.

Segurança

O mundo virtual é fascinante, mas claro, é preciso tomar certos cuidados, afinal ninguém quer correr riscos desnecessários.
A segurança ou a falta desta é um dos principais motivos que inibem as compras via internet. E compras internacionais, então, pior ainda.

Evite fazer compras em computadores de uso coletivo, principalmente em lan houses. De preferência, use o seu computador pessoal e tenha sempre um bom antivírus atualizado. Estes são os cuidados mais básicos para qualquer compra online, nacional ou não. Afinal, você vai informar os seus dados cadastrais e do seu cartão de crédito*.

*Como já informei no post anterior, é imprescindível ter cartão de crédito internacional para comprar online em sites do exterior.

O que vale a pena comprar?


Eu penso que vale a pena comprar produtos que não existem no Brasil, ou que aqui são muito mais caros. Evite comprar eletrônicos - por causa da dificuldade de acesso à garantia - e também remédios ou suplementos alimentares e vitaminas que, apesar de serem liberados lá fora, podem ser proibidos no Brasil! O resto não tem maiores problemas.

Eu prefiro comprar somente cosméticos, maquiagens e outros produtinhos de beleza. Mas também já comprei bolsa e calça legging. Sapatos eu não arrisco, pois mesmo provando em lojas, às vezes eu compro errado, imagine pela internet...

Muita atenção também ao comprar roupas em geral, pois a numeração é diferente da brasileira em praticamente qualquer lugar. Você tem que pesquisar a numeração de onde você for comprar e ver qual é a equivalente ao seu número aqui no Brasil, para não ter surpresas desagradáveis.

Prazos para receber os produtos comprados no exterior



Os envios internacionais demoram em média, de 20 a 30 dias, mas poderão ser entregues em 7, 15 ou em até 45 dias, de acordo com o frete escolhido e também conforme o serviços dos Correios e da Receita Federal.

Os valores dos fretes variam de acordo com a loja, peso do produto e se é comum - sem rastreio e demorando entre 30 a 45 dias; prioritário - com rastreio e entrega média de 15 a 20 dias ou expresso, também com rastreio e entrega rápida, em torno de 7 a 10 dias. Eu procuro sempre pelo mais barato, mas pago a diferença para ter o número de rastreio (que é o registro postal do envio). É importante para acompanhar a sua compra desde o momento em que ela chega no Brasil até ela ser entregue em sua casa. 

Comprei somente duas vezes sem rastreio porque não ofereceram esta opção no frete normal. Tinha no envio expresso, mas era caríssimo. Uma encomenda eu recebi em cerca de 20 dias (e fui taxada) e a outra nunca apareceu, mas consegui que a empresa me estornasse o valor cobrado.

Isenção de impostos 

A isenção de impostos que consta no site da Receita Federal é de até U$ 50,00 (dólares americanos) para compras que utilizem o serviço postal, desde que o remetente e o destinatário sejam pessoas físicas. Mas na prática isso não existe - eu já senti no bolso por três vezes: mesmo comprando de pessoa física e pagando menos de U$ 50,00, fui taxada!

Os outros produtos livres de impostos são medicamentos, desde que destinados a pessoas físicas e com apresentação de receita médica, livros e demais impressos em papel.

Todas as encomendas internacionais são tributadas?

A Receita Federal não consegue conferir tudo o que chega no Brasil, pois não há fiscais suficientes. Os pacotes são escolhidos aleatoriamente ou então, se há alguma suspeita sobre o conteúdo da caixa, esta é separada e aplicado as taxas sobre o  valor que eles imaginam que o produto tenha. Raramente os pacotes são abertos, os fiscais se baseiam no valor que o remetente declarou. Este é o método mais comum: taxar pelo valor declarado. Mas às vezes taxam pelo valor que eles supõem! Sem lógica, né? Mas é o que acontece... 

Desde março de 2012, a Receita Federal está com a Operação Maré Vermelha - a qual fiscaliza com maior intensidade as encomendas internacionais. E devido ao número insuficiente de fiscais, as encomendas estão demorando muito mais tempo para serem liberadas na alfândega.

Dica muito importante:

Já some ao valor total da sua compra, a taxa alfandegária de 60% que a Receita Federal poderá lhe cobrar. E ainda, conforme o seu Estado, tem mais o valor de ICMS.  
Aqui no Rio Grande do Sul, além dos 60% da taxa alfandegária (aplicada sobre o valor total do produto + frete), tem mais 60% de ICMS sobre esta taxa. O produto praticamente dobra de preço.

Para não se arrepender 

Sempre que você pensar em comprar um produto lá fora, considere a hipótese da sua compra ser tributada. E só compre se valer a pena mesmo assim. Caso a sua encomenda seja liberada sem taxas, ótimo, foi uma exceção e a surpresa será bem agradável!

Na próxima semana

Vou relacionar alguns sites interessantes e confiáveis para compras de cosméticos e maquiagens.

Se você tem alguma dúvida até aqui, é só escrever nos comentários que responderei o mais breve possível. 

Beijos,
Ana