Quando resolver a queda capilar com medicamentos ?





Oi gente! Tão Boas?

Eu disse que precisava pesquisar sobre isso, como já disse até em outras ocasiões eu não quero vir a testar o que só possa ser modismo, alguns dizem que funciona, outros que não… 

As cápsulas de tratamento para cabelo estão em todo lugar, nos fóruns, jornais, reportagens, um produto livre e facilmente adquirido em farmácias, não em loja de cosméticos e nem em mercado ! O medicamento para solução de queda de cabelo não é um item de um menu, e muito menos dica milagrosa, ele contém associações na sua fórmula , advertências, modo de uso que deve ser prescrito por seu médico confiável além de ser um tratamento aonde se enquadra em meses e não semanas ou dias.

Vamos começar pelo problema: A queda.

A queda capilar feminina pode ter origens diversas, pode ser de:
  • Químicas sucessivas entre elas alisamentos, colorações, relaxamentos;
  • Sem contar o próprio hábito de escovação do cabelo, ou da chapinha que é passada nos fios, o calor excessivo a escovação geram uma queda maior do que o simplesmente pentear.
  • Pode ser herança genética;
  • Tireoide;
  • SOP;
  • Alterações hormonais como gravidez e menopausa;
  • Uso de alguns medicamentos;
  • Fungos, etc, etc
Sendo assim, além de algumas causas citadas acima,  já sabemos que o cabelo cai 100 fios por dia, é preciso cair muito cabelo  diariamente para definir a queda como um problema a ser resolvido pelo médico dermatologista, e pode acreditar que nem sempre tudo o que indica queda de cabelo acontece!!
Meu testemunho: Tenho SOP (Síndrome do Ovário Policístico)  não tenho queda de cabelo a ponto de me preocupar, simplesmente quando dei conta que meu cabelo estava caindo mais do que devia (nessa época pintava o cabelo todo mês com agua oxigenada 30 e 40 volumes) comecei a perceber o que estava errado em mim … Problemas de saúde ? Não tinha; Escovação? Não faço uso de escovas com secador e nem chapinha; mas sabia que toda vez que coloria meu cabelo, ele acabava caindo demais, e por consequência caia mais do que o normal, antes de até esquentar a cabeça com isso ou mesmo achar que ia ficar careca, tomei a decisão de que as colorações tinham que ter um espaço de tempo maior, de no mínimo dois meses e depois de , todas as dicas desamareladoras e produtinhos que me ajudam a segurar a cor dos fios, descobri que toda aquela queda era do fato de pintar constantemente o cabelo, depois da mudança do hábito a queda já não é como antes, e defino como normal.

Por isso esses medicamentos vendidos em cápsulas podem fazer efeito para algumas e para outras não… 

Quando falamos “consulte seu médiconão é consulte a internet para saber como vai resolver seu problema.

Seu médico, por mais piegas que seja falar assim, vai tomar a decisão através do seu histórico investigativo talvez até com exames clínicos  para determinar se aquele produto pode resolver seu problema e se é um problema o que esta passando no momento atual.

O medicamento Pantogar, por exemplo, tem na sua formulação queratina, cistina e associações… E advertências, precauções, modo de uso prescrito por seu médico… Suas indicações são: Perda difusa de cabelos (perda de cabelo por razões desconhecidas). Alterações degenerativas na estrutura de cabelo (cabelo enfraquecido, fino, não- maleável, quebradiço, sem vida, opaco e sem cor); cabelos danificados pela luz do sol e radiação UV; prevenção do aparecimento de fios brancos. Desordens no crescimento das unhas (unhas quebradiças, rachadas e pouco maleáveis). Leia aqui suas restrições e reações adversas.

O remédio que eu posso comprar em qualquer lugar pode me dar inúmeros benefícios como pode não me fazer nada. 

Por isso, consulte seu médico antes de tomar as capsulas que já não são assim tão acessíveis para um tratamento completo!!

Beijos