Revista Cabelos & Cia e Brinde de Progressiva

Exo- By Spray de Beleza

Oi gente! Tão boas?

Todo mundo gosta de revista? Pois é, eu estou pensando em assinar a revista Cabelos & Cia, estou gostando dos brindes que vieram que as meninas comentaram no Grupo Cronograma Capilar  (óleo da Inoar ) Eu já amo né?

Mas também aconteceu algo curioso (ou perigoso) e como eu disse que vinha alerta-las sobre tudo, essa dica é muito válida, observem o sachê que veio na Revista de brinde, isso ai gente, é o que? Redutor, alisamento...

Vem assim: Alisamento utilizado por profissionais. Isento de formol e glutaraldeído, compatível com qualquer química. ( O que alisa aqui?)

Antes de fazer meus comentários leiam o post da Liia que fala: “É alisamento ou tratamento?”

Aconteceu que rede social as notícias se espalham com muita facilidade, um conta pra outro que outro vê e diz que usou e não sei mais quem usou… Fia do céu! Vira um bafafá gigante, mas no diz que me diz, vamos aos fatos.

Vi o post da Liia e pensei comigo, “Como que uma empresa manda uma progressiva em massa como amostra em revista de cabelo??” qual o intuito? Sair na frente? Divulgar o que pra quem se …
  • Não veio folheto explicativo dentro da revista de como usar esse produto?
  • Quem poderia usar? Que tipo de cabelo, em que condições?
  • Depois de uma descoloração? Processo de relaxamento, Henê, henna, guanidina??? Hein??
Ah seria uma revista profissional, como a Liia disse, mas que todo mundo tem acesso!!

Gente do céu! A Revista é nacional!!!

Como vai uma progressiva em “massa” sem conselho de uso?

Minhas sobrinhas não sabem o que põe no cabelo, as meninas ficam “iludidas” com o cabelo das artistas e de propaganda e daí se jogam em todo produtinho que veem nas prateleiras (leia esse post da Mandi sobre as progressivas de caixinha.) aqui fala sobre o cheiro estranho em alguns alisamentos.

Eu não sei se funciona, porque nunca usei progressiva, acho lindo em quem faz e sei (por eu mesma ter aplicado) que uma progressiva bem feita com manutenção dura bastante e não fica cheiro nenhum…

Mas essa amostra, como disse foi usada por muitos, a rede soltou várias informações que eu não sei se são “inverdades”! 

Nessa história toda um dos membros do Grupo la no Facebook relatou sua história com o sachê e o cheiro de catinga que ficou após o uso.

Olha… Recebeu a revista, usou, subiu o cheiro ( que ele não sabe do que é!!) de catinga??? Gente… Que isso?!

Somos consumidor e não somos obrigados a saber nada, por isso em toda coloração tem um folheto explicativo, por isso os profissionais de salão fazem curso do uso das químicas e suas compatibilidades, agora o que aconteceu?

O cheiro não é nada... mas prestem atenção...

Depois do Cakes- Filipe ter reclamado de sentir o cheiro ainda no fio, ele voltou atrás da empresa para falar sobre esse cheiro e veja a resposta que ele mesmo colocou na rede para seus amigos e o grupo ver:

Cakes Hill

OLHEM O QUE A EXO ESCREVEU NO SITE DEPOIS DE TANTA BRIGA, ACHO QUE FOI INDIRETA PRA MIM!
Depois da primeira lavagem pós EXO NANOTECH KERATIN, percebi um mal cheiro em meus cabelos que não havia antes, o que fazer?

Alguns tipos de cabelo tratados com EXO NANOTECH KERATIN apresentam, após a primeira lavagem, um odor muito específico de enxofre. Isto é uma ocorrência normal e não significa que o produto permanece "agindo" nos cabelos. Neste caso, use um NEUTRALIZANTE UNIVERSAL para neutralizar o CHEIRO. Enxágüe, lave com shampoo, aplique o neutralizante, deixe agir por 10 minutos, enxágüe novamente. Se persistir o cheiro, repita o procedimento no dia seguinte. Não confundir neutralização do cheiro com neutralização do produto. Com EXO, estamos neutralizando o cheiro. "
Alguém aqui já me viu falando sobre Neutralizante Universal?

Eu mesma nunca usei? Ainda estou pesquisando sobre isso, e você que usou o sachê da Revista, sabe que precisa passar um neutralizante no seu cabelo se o cheiro continuar?

Ah Lucy isso não faz nada!! Peraí, mas é o cabelo de quem?

Quem não teve nenhuma informação na revista ficou como?

Claro que minhas amigas, algumas também usaram o produto e não aconteceu nada, então eu… penso assim:

  1. Revista: Como pode colocar uma progressiva para seus assinantes sem alerta-los sobre como deve ser feito o procedimento em vários tipos de cabelo?
  2. Empresa do Sachê: Como pode colocar o consumidor nessa situação? Iludidos com o liso e sem saber se poderia dar o mesmo resultado em vários tipos de cabelo e ainda que poderia exalar cheiro e que tinha que usar um neutralizante?
  3. Consumidor: Não use progressiva assim, conheço muitas e garanto que o cabelo não cai, mas não usem sem saber o que esta usando, o que faz, pra quem serve… Leiam esse post novamente: Você sabe o que você usa?

Beijos