Couro Cabeludo Irritado? O quê é isso?

Couro Cabeludo Irritado


Oi gente! Tão boas? Já ouviram falar do couro cabeludo irritado meninas? Acontece muito no pós praia, pós parque, pós sujeira no cabelo.

Não… não é só de sujeira que acontece o couro cabeludo irritado. Na verdade tem mais a ver com o que usa e como faz a higienização no seu cabelo, os agentes externos só entram pra dar nome aos “bois” se é que me entende.

Não tem época melhor pra falar disso do que no verão, ou mesmo outono quando o sol não vai embora. 

Acontece muito por conta da areia, de deitar naquela beradinha da água, sabe aquele rasinho né?

Acontece muito de não lavar o cabelo após a praia ou piscina, e deixar secar assim, juntando suor e mais sujidades do tempo que não higienizou o cabelo. Mas viu gente, não pensa em horários (tipo quanto tempo ficou sem lavar o cabelo) pense que logo depois que saiu do mar e da piscina e não lavou o cabelo, então, “pode” começar a contabilizar os danos.

Veja estas receitas caseiras:

1- Como escurecer o cabelo com óleo de coco 
2- 5 formas de hidratar o couro cabeludo 
3- Receitas com Probentol 
4- Shampoo de bicarbonato e vinagre  
5- Queratinização ácida

A Irritação vem de onde?

A oleosidade é a porta de entrada para um couro cabeludo irritado. Não tenho dúvidas disso! E vocês também não devem ter dúvidas. Ainda mais se descartam qualquer outro tipo de problema no couro cabeludo relacionado a doenças, alergias e medicamentos; Pronto. Ficou fácil chegar à essa conclusão.


Tem outras evidências de um couro cabeludo irritado, mas, só vai descobrir se é disso se observar bem e perguntar o diagnóstico a um médico: Coliformes Fecais. São restos de fezes de animais misturados na areia da praia.
Agora quer ver…

Pensa na oleosidade, sebo, cabelo grudado na cabeça, casquinha no couro cabeludo e soma, areia da praia, exposição solar, água salgada, clorada e sem higienização?




Vem os Sintomas

Se já se identificou com a coisa toda, então, é provável que esteja com uma coceira indesejada no couro cabeludo; aliás, ele queima como a pele com exposição solar, e fica vermelho e torrado de sol;

Aquelas casquinhas que acumularam no couro cabeludo de não fazer a higienização correta, tipo, logo após sair do mar; logo após sair da piscina; logo após sair da academia; etc, começa a despontar a coceira; dessa coceira a ferida; da ferida a inflamação.

E se chegou a hidratação, a coceira e já está aqui no blog é por que a coisa ta feia!





Como melhorar o couro Cabeludo irritado sem médico

Couro Cabeludo Irritado

Sem médico por enquanto né gente? Porque é óbvio que vai precisar de algum se a coisa piorar, se ficar crônico, daí não tem jeito!

A dica mais sensata com casquinhas, feridas, queimaduras solares é simples e já sabemos algumas dessas dicas:


  • Banho rápido de morno a gelado;
  • Uso de shampoo suave, específico para couro cabeludo sensível, ou só o Johnsons mesmo;
  • Babosa no couro cabeludo ajuda muito;
  • Produtos calmantes específicos e comprados em farmácia;
  • Somente água com vinagre; (não adianta colocar o bicarbonato porque ele não é eficaz para remover sujidades)

E esperar que logo sara, verdade é essa. Em casa, não pode se automedicar quanto à feridas, e tudo que for mais natural é o que vai resolver;




Ficar sem lavar o cabelo é uma opção boa para o próprio couro cabeludo criar sua própria defesa, porém, é difícil ficar sem lavar o couro cabeludo.

Pra que seu cabelo desenvolva sua própria defesa, para que isso funcione naturalmente, vai precisar deixar de lado:


  1. Boné;
  2. Prendedor de cabelo;
  3. Chapinha, babyliss e finalizadores;
  4. Escovações e muita penteabilidade;
  5. Químicas, todas, até que o couro cabeludo volte ao normal;

É isso, cuidado na praia meninas!
Beijos


Este conteúdo é original de PnC

+ Conteúdo

Arquivo

Mostrar mais