Tinta de Cabelo. Diferenças e vantagens.


Oi gente, tão Boas?

Recentemente usei uma coloração e até coloquei sobre ela aqui no Blog, mas é com o passar das semanas e da cor do cabelo que se pode dizer a verdadeira qualidade dela.

Quis ficar loira por causa dos meus cabelos brancos, cada vez que tingia com aquele da Koleston , o Castanho Sedução,  não dava 15 dias e minha raiz ficava branca, cresce demais esses fios brancos… E olha que nem arranco!! Resolvi ir num salão perto de casa, pedi que deixasse escuro em cima e clarinho nas pontas (como se fosse imitando o Ombré) , mas a conversa do salão tirou a atenção da moça, que me deixou com a coloração 10.0 na raiz e 8.3 no comprimento, quase chorei, porque nunca tinha colorido em salão, era a primeira vez, e foi total decepção…

Então surgiu minha saga pra ficar loira, e não foi fácil “tinta após tinta” ir mudando o tom do cabelo, na época tinha muito medo de descolorir e me jogava nos superclareadores. Foi começando a pesquisar na web os relatos sobre colorações em bisnagas que comecei a perceber sobre fixação, tonalização dos fios, brilho, qualidade sem desgaste.

Quando as pessoas falam que tinta não clareia tinta, é porque o cabelo tem seu próprio pigmento, sendo assim, a tinta que for colocada nele vai dar lugar para uma terceira cor (que não é a da caixinha) uma vez aquela cor no cabelo, o sol, o banho de mar, os banhos diários, tudo vai fazer com que a cor va ficando opaca, sem vida e desbotada, agora como dizer que a coloração que você colocou por cima disso tudo que aconteceu , clareou?? É complicado, mas real pra mim, a única vez que precisei descolorir foi pra fazer o tom do comprimento chegar ao tom da raiz, e mesmo assim, como disse aqui, fiz com creme, o que não subiu muito o tom…

Antes de dar todas as conclusões sobre as tintas, vale lembrar que cada pessoa tem um pigmento diferente, é por isso que existe o teste de mechas, além da própria alergia é´preciso saber pra qual tom seu cabelo vai abrir, o meu só com coloração fica claro, mas o da minha enteada por exemplo, tentamos fazer um ombré nas pontas e não deu de jeito nenhum, com a coloração preta que ela estava, sem fazer a decapagem (retirada da coloração) não abriu nada … Isso com Emulsão de 40 Volumes e descolorante, isso é pra ver como não da pra fazer tudo que a gente quer em casa, conclusão tivemos que hidratar as pontinhas e tonalizar com Keraton , que é com certeza uma ótima opção na hora dos testes, o Banho de Brilho arruma tudo que estiver de errado….

Agora sobre as colorações

A Maxton foi a primeira que usei porque era mais barata e na época o “mar não estava pra peixe”, essa é uma coloração muito boa, a cor é fiel, a tonalização é muito boa, os fios não sofre muito desgaste, mas não tem lá seu brilho e nem muita fixação… Mas ainda assim gosto muito dela, digamos que é a minha opção se não tiver “grana”. (Leia aqui)

A Color Perfect já tem o preço mais elevado, mas com certeza é uma das favoritas, principalmente pela duração e fixação da tinta, embora eu goste muito de testar produtos e tinta acabava sempre voltando a ela, porque o cabelo não desbota tanto, o brilho é perfeito, a cor é igual a todas as outras na paleta de cores universal de colorações, nisso ela perde ponto, a cor dela pode encontrar em outras, a qualidade da coloração é que foi ótima, a melhor. (Leia aqui)



A Amend, também não tem seu preço acessível até porque tem que comprar a emulsão separado, o problema da Amend começa na cremosidade vem 10g a menos que as outras e é muito cremosa, para um cabelo médio por exemplo você iria precisar de duas bisnagas porque quando mistura a emulsão na coloração fica cremoso demais e difícil de espalhar, a cor é universal, ela ganha ponto pela fixação, brilho e durabilidade, mas resseca muito o cabelo, é preciso reconstruir os fios imediatamente a aplicação, em um cabelo já danificado não recomedo. (Leia aqui)



A Majiblond foi amor a primeira passada!! A cor dela é diferente, lindo, lindo, um blonde luxo, parece aquele branco de luzes, é maravilhosa, mas seu preço é altíssimo, também não vem com emulsão, quando fiz usei com emulsão de 40 volumes o que danificou muito meu cabelo, mas a cor é intensa, viva, com brilho, tem boa duração, é única. Nada igual a nenhuma das outras. É especial, mas cara. (Leia aqui)



A coloração da Elisafer é diferente nas tonalidades, não tanto como a Majiblond, tem fixação boa, e média durabilidade, tem brilho, os tons acizentados são muito bonitos, tem produtos da linha semi di lino da elisafer que usado após a tintura potencializa os resultados. Preço médio e não vem com emulsão. (Leia aqui)

A coloração da Kert foi um achado para meus fios danificados e quem estiver com eles assim só recomendo ela, a coloração tem a cor diferente das outras também, tomei um susto quando testei, pensei que estava fazendo hidratação, ela é muito emoliente, não danifica em nada os fios e a cor que passei na época (10.1) ficou muito próxima ao loiro natural, isso porque fiz também Banho de Brilho tonalizante com ela, o ponto negativo é que também é muito cremosa e não rende, precisa de duas bisnagas para um cabelo médio, e não é fácil encontra-la em loja física, por aqui Keraton tem em vários lugares, mas a coloração da Kert, não! (leia aqui)

A coloração da Raiz Latina só vai ter ponto positivo, porque não foi passada por mim e sim por profissionais, sendo assim ficou perfeita, as mechas marrons, o acizentado, a mistura das duas tintas, a durabilidade foi incrível, porque fui para o hospital sem colorir o cabelo e já esta fazendo mês com ela, o que mais amei foi que meu cabelo não desbotou em nadica de nada, nada mesmo, minha cor manteve fiel quase dois meses, aparecendo só a raiz preta, o ponto negativo é que não podemos compra-la, é produto profissional e por isso a qualidade dela diferente. Uma pena não ser comercializada. (Leia aqui)

A Alta Moda devia fazer um post pra ela, estou decepcionada, quando colori meu cabelo amei porque ela realmente é muito boa pra espalhar e não tem cheiro forte, também não danifica os fios, mas é muito fácil colorir o cabelo vir correndo aqui no blog e dizer, genteee amei, foi o que fiz, mas até escrevi no post que em uma semana deixou aquelas mechas marrons alaranjadas e por isso tive que usar o kit desamarelador da mesma marca, que por sinal foi o que melhorou o tom, mas ne faz um mês que meu cabelo esta colorido com ela e já esta um alaranjado absurdo…

Deu pra perceber que não da pra falar de coloração na hora, a gente se empolga a cor fica linda, mas vai perceber o que é bom daqui 1 mês no mínimo, isso se conseguir recuperar os fios depois dos danos que faz os superclareadores, e agora vamos combinar… Gente quem pinta o cabelo de loiro tem que ter em casa uma boa mascara com ampola par fazer hidratação, tem que ter queratina (liquida, ampola, leave-in, qualquer uma dessas opções) tem que ter um shampoo desamarelador bom pra usar pelo menos 3 vezes na semana, senão qualquer uma desiste do loiro.

Vale a pena, vale… depois que “pegar a manha” e achar a coloração perfeita pra você o resto “tira de letra”

Beijos