Não façam em casa!

cancel

Oi gente! Tão boas? Quando comecei fazer o passo a passo de tinturas e banho de brilho, pensei assim “Tinturas vendem no mercado, um pouco de experiência em tinturas e todo mundo faz” ou seja, não parece nada demais se já esta para o consumidor utilizar em casa. Até aqui beleza. Mesmo assim algumas coisas são perigosas, por isso, Não façam em casa!

Depois você passa pra bisnaga, coloração profissional, que não vem todos apetrechos pra pintar e nem mesmo a agua oxigenada certa pra utilizar o produto, daí, começam as dúvidas e a segurança em passar a dica utilizando “coisas” que não vieram dentro da embalagem, porque é produto vendido para profissionais (porém todos podem comprar).

Depois de indicar o produto e o procedimento, fiz mais de 3 ou 4 posts de cuidados, porque o passo a passo na internet auxilia muito o modo de uso, mas é contraditório a embalagem do produto, e daí surgem mais problemas, cabelo chumbado, cabelo verde, e por aí vai…

Procurei alternativa pro produto indicando outro, pensei, esse não chumba tão fácil e o procedimento é o mesmo, e foi assim que as duvidas com o produto deixaram de ser tantas, tipo outras opções, além do mais, chegaram os matizadores que já fazem a matização com tratamento e sem tanto trabalho como com as tinturas profissionais.

Pelas minhas experiências, tem coisas que ensinam que não tem problema nenhum fazer em casa, mas basta um trocadilho na mensagem dada na internet que a coisa pode ser entendida de outra maneira, principalmente quando vem de artistas, formadores de opinião, estes tem que ter total clareza do que coloca, porque o blog, instagram, twitter é pessoal, mas a indicação é sua.



Quando vi essa reportagem da Preta Gil sobre cortar os cabelos com vela achei terrível terem colocado no titulo “Não façam em casa” é quase um confronto a meninada mais interligada… façam!

Saiba mais o que não deu certo:
Confesso que já vi outras pessoas cortando o cabelo com vela e não foi esse furor no titulo, apenas contava na matéria que é um procedimento feito de tal jeito, com tal tipo de cabelo, com tal segurança por profissional e ponto, você não abre a informação como “Ó não vai fazer viu!” Tipo passa a matéria de acordo com a proposta: só por profissional, senão fica careca de cabelo queimado, básico, assustador e manda o recado embutido: “Não pode fazer em casa”.

Olha a dica da velaterapia com cuidados e mensagem objetiva: somente com profissional. 
Enfim… fica a dica do que sempre coloco:
  • Se tem dúvidas não faça! Se tem experiência em pintar seu próprio cabelo em casa, ok, senão gaste com profissionais, eles entendem tudo sobre cabelos.
  • O que é feito por profissional, não tem o mesmo resultado em casa, lembre-se que o risco em fazer é por sua conta então pense bem, procure alternativas pra não estragar o cabelo todo naqueles “5 minutos” que quer mudar a todo custo.
  • O que deu certo no cabelo de uma pessoa não significa que dará no seu, e isso serve tanto para tinturas quanto corte em casa, eu mesma já cortei feio o cabelo tentando fazer sozinha e seguindo uma pessoa que admiro muito.
Cuidados meninas.
Beijos

Este conteúdo é original de PNC: Não façam em casa!