Quando Não Fazer o Cronograma Capilar?

Não Fazer o Cronograma Capilar




Oi gente! Tão boas? Sabe aquela história que todo mundo fala pra fazer mas que você ainda tem o pé atrás? É o cronograma! E por conta disso, depois de tanto fazer, ver outras pessoas fazendo com tabelas mensais que cheguei a conclusão de quando não Fazer o Cronograma Capilar!

👉💭Ah! Antes de continuar, me perdoem o sumiço. Estou mudando de casa e passei a semana resolvendo várias pendências, transferências e contrato, etc. Logo tem novidades! 😉




Quando comecei falar em cronograma capilar aqui no blog fui atrás de informações que me fizessem compreender o assunto e em que realmente poderia ajudar no cabelo com danos.


Claro que a própria experiência diz tudo, e consequentemente fazendo o cronograma várias vezes e com diversos produtos descobri resultados surpreendentes. Na maioria das vezes os testes foram em fios nas ultimas, preenchendo o essencial que um cabelo precisa. 


É fato que fica visivelmente bom, e a melhora é muito rápida. Em dois meses meu cabelo já não era o mesmo.

Dúvidas sobre o Crono

Mas o tempo passou… algumas dúvidas surgiram, entre uma e outra interrogativa busquei quem mais entende do assunto quando o negócio é composição cosméticas, os técnicos quimicos.

Conversei sobre o assunto com vários amigos que acham do cronograma uma proposta ótima, mas inevitavelmente vem a lógica do assunto…


Do Inicio:


O cronograma basicamente serve para dar o fio o que ele necessita em reparação, peso, textura, brilho, tratamento da cor, reconstrução, tudo isso em algumas mascaras disciplinadas pra usar em casa. 


O que não sabemos e não esta a nosso CARGO saber é a composição dos produtos e o que contenha em cada mascara de tratamento. 

O que é fato:


Por mais que entenda algumas siglas de aminoácidos e queratina, não sabemos a concentração do produto que, num exemplo, pode conter apenas 0,001% de queratina e ainda constar no rótulo qque é o ativo principal. 

Daí como a técnica Camila falou de que adianta buscar produtos específicos se não tem conhecimento profundo da sua composição? 

Dessa maneira que a gente pensa em não fazer o cronograma capilar.

Não sabemos o quanto de concentração de ativos tem em cada mascara, assim, podemos colocar uma mascara para reconstruir que tenha como ativo principal a queratina, mas sua concentração numa mascara possa ser tão pequena que não faça efeito de reconstrução. 

👉Muitas vezes quando essas máscaras são para o grande público o resultado é progressivo, pela própria segurança ao cabelo do consumidor, as vezes para doar ao fio não só queratina, mas outros ativos que estão aliados a queratina na mesma mascara.


Isso só vem a formalizar porque uma mascara de rótulo “reconstrutora” não faça o mesmo num cabelo danificado do que outras com o mesmo rótulo fazem…


E até servir como uma nutrição  com ativos reparadores de alta qualidade que doam ao fio o peso que precisa junto a proteinas contidas na mascara que promovem efeito reconstrutor.


Quando Não Fazer o Cronograma Capilar?


Bom…  Nem se quiséssemos saber a concentração de ativos de cada empresa, não teríamos acesso a isso, só faz parte de sua própria fabricação. 


que temos que entender é que, com cronograma ou mesmo sem uma tabela para ser seguida, o cabelo responde ao tratamento que você faz nele, assim é possível trata-lo apenas com o que precisa no momento.

Quando você diz não fazer o cronograma capilar e nem se escravizar a três máscaras contínuas, significa que já sabe lidar com seu cabelo, e sabe do que ele precisa conforme seu próprio estado.

Por isso que tem cronograma por ai que são diferenciados, tratam a textura, o frizz, a cor e não somente se fixam em composição seu uso, mas sim no que a máscara pode contribuir ao cabelo.

 Assim trata-se o cabelo normalmente hidratando.

A maxima certeza que temos é conhecer mais sobre química, entender o que fazem ao fio a curto e longo prazo e saber driblar isso com o produto certo.

Pensando dessa maneira, e entendendo o que a química utilizada fez no cabelo, não haveria problema algum usar mascara de queratina diariamente. Realmente não faria mal, caso essa concentração não fosse o suficiente para “dar proteina” demais ao cabelo que não precisa.

Quando não fazer o cronograma capilar? Basicamente quando já sabe o que seu cabelo precisa, no estado que esta, e a partir disso prevenir o tratamento! 👉leave-in amorecos, protetores com restauração!

Mas, Cronograma Capilar da certo?

Da sim! Mesmo do jeito que aprendemos a observar ativos e rótulos nas mascaras conseguimos tratar o fio deixando livre de tantos danos. 

Só é preciso estabelecer que as mascaras comerciais (mercado) mesmo contendo queratina não promovem o mesmo efeito que uma mascara profissional com o mesmo apelo;

Ampolas reconstrutoras podem ter uma boa concentração de queratina junto a aminoacidos para promover fios estruturados;


O cabelo pode sim se dar bem com apenas uma mascara capilar que seja reparadora, a empresas profissionais usam vários ativos que doam ao fio um pouco de cada nutriente que ele precise fazendo assim mais que uma hidratação e deixando fios saudaveis e brilhantes.


O que quero dizer é que independente de fazer ou não fazer o cronograma capilar você pode tratar o cabelo e ter resultados ótimos, basta entender do que realmente o cabelo precisa.

Se ficou confuso me sinalize! Especialmente quem não conhece muito sobre o crono pode se perder nas informações por aqui.

Beijos

Este conteúdo é original de PnC