O erro foi do Salão!

Oi gente! Tão boas? Tenho o blog há 6 anos e posso dizer com certeza que não passo dois meses sem que alguém venha reclamar do salão que foi!

Muitas vezes é a coloração que não foi bem realizada no salão, que a cor do cabelo ficou diferente do que pediu, muitas vezes foi o corte, e tem muitos casos que a pessoa vem com o cabelo fedendo pra casa sem saber o que esta acontecendo, isso sem falar sobre reações alérgicas, e eu só acho que isso deve parar!! Se o erro foi do salão, é preciso que eles entendam que devem arcar com as consequências ou devolver o dinheiro!


O erro foi do Salão!
Foto: Reprodução

É simples assim quando o erro foi do salão: Refaça, Corrija ou Devolva a verba!

Sabe aquela história de impunidade? Vale pra qualquer ramo e qualquer profissão. Se você não for atrás ninguém o fará pra você, se você não exigir os seus direitos ainda assim você vai continuar na mesma, se o profissional não entender que não ficou legal pra cliente ele vai continuar fazendo do mesmo jeito e aquela história do vivendo e aprendendo não vai dar certo pra ninguém!


E ninguém ta aqui pra meter a boca em profissional, tenho excelentes profissionais que me auxiliam sempre e eles também “pagam o pato” pelo erro de outros! Verdade seja dita, é uma profissão como todas as outras, tem os bons e os ruins!!

Vergonha de voltar lá?

Ta… o maior problema com erro de salão é a vergonha que a cliente tem de voltar, porque muitas vezes a pessoa paga parcelado, e chora pra isso, muitas vezes a pessoa quis fazer vários procedimentos e implorou pra ter desconto, e muitas vezes elas são amigas, o que dificulta a vontade de voltar e mostrar a m… feita no cabelo!!  Em outras palavras, uma “saia justa” que você vai ter que passar!

E sinceramente? Não há vergonha quando usa-se de educação. O que fizer educadamente não vai dar brecha pra uma discussão a perder de vista procurando culpados. Seja clara, objetiva sobre sua insatisfação, sobre o que pediu inicialmente e o que deu errado, não exija nada, peça que por favor o erro seja consertado, corrigido!

E quer saber? É muito melhor voltar e resolver a situação do que ficar metendo a boca no profissional, até porque voltando de “boas” o profissional vai entender aonde o negócio deu errado e com certeza não vai deixar a situação sem resolver.

E sobre o pagamento: Que fique claro, não importa se implorou por desconto, o hair quebrou um “galhão” e fez parcelado pra toda família não importa… a opção em parcelar foi dele, e parcelamento não significa que você é caloteiro, esta pagando do mesmo jeito, só que de uma maneira negociada por ambos.


Os deveres do salão

O negócio ta ficando de praxe entende? Nos tribunais tem mais gente reclamando do salão do que de pensão!

Então ta na hora da gente falar do assunto, e olha que não é coisa de agora, já falo sobre isso há muito tempo, mas tem gente que não se resolve, não quer aprender, e o cliente entra no salão com muitas promessas que depois não são cumpridas por vários fatores, e uma vez que o profissional se dispõe à “entregar o resultado” e isso não acontecer ele já sai perdendo se a cliente exigir os seus direitos.

Se você promete resultados você tem que cumprir!


Os direitos do consumidor

Se você passou por um mau procedimento, saiba que você tem o direito de exigir… ou melhor, pedir que o serviço seja refeito se ficou muito diferente do que pediu, se o procedimento escolhido não foi cumprido, se lhe causou problemas na cabeça, couro cabeludo e cabelos, tem o direito de pedir o dinheiro de volta se o profissional não souber, ou não puder corrigir, consertar, ajeitar o estrago feito, sem que você precise tomar outras providencias.

Veja algumas matérias:

dgabc-notícia-danos-no-fio-salão

Leia matéria na íntegra no Jornal ABC (2005), aqui.


Pode passar 20 anos, qualquer serviço que prometa algo que não possa cumprir terá a punição devida, sem dúvidas! Por isso que há diagnóstico, conversa e uma aceitação do serviço oferecido pelo profissional quando o resultado não é dedutível!

Leia matéria na íntegra no Coisas de Diva (2015), aqui.

cdd-erro-de-salão

São vários serviços de Salão hoje em dia!

erro-de-salão
Foto: Reprodução

É verdade! 

Hoje tem aquelas promoções em pacotes, unha, cabelo, depilação por um valor só… 

Não interessa qual deu certo, se qualquer um deles deu errado você tem que reclamar, até porque tem coisas que precisam ser cautelosas coisa da manicure e a esterilização dos aparelhos, coisa da manicure em grávidas ou diabéticos, enfim, é sim conversa pra mais de metro e a única coisa que precisa ter em mente é que é preciso ter uma conversa com o profissional sobre “os serviços” oferecidos no tal pacote, exigir discriminação dos serviços com valores e nota fiscal, porque esta é a prova maior para a justiça sobre os serviços efetuados.

E vamos combinar que a intenção aqui não é sair fazendo briga, mas a coisa ta bagunçada, um salão de beleza é uma empresa como qualquer outra, tem impostos, tem funcionários e tem seus deveres com os clientes e seus serviços prestados. 

Tem coisas gente... de se duvidar, olha isso: Mulher tem derrame após posição na cadeira do salão! mas são coisas que podem acontecer, os cuidados são de ambas partes, tanto o salão pela sua reputação e talento fazer o serviço de acordo com um código de ética e respeitabilidade com seus clientes, e o cliente ter o cuidado de perguntar sobre o procedimento, prós e contras, exigir teste de mecha assim como seu recibo do serviço pago.

Se você esta entre as leitoras que reclamaram sobre isso, compartilhe aqui conosco.

Beijos

Mais sobre o assunto:

>>>Não deu certo no salão, e agora?
>>>No meu Salão só tem Wella!
>>>Serviços de salão são mais caros
>>>Cuidado com sua saúde na hora de fazer as unhas!



Este conteúdo é original de PnC