Pus no Couro Cabeludo o que Fazer?

Pus no Couro Cabeludo


Oi gente! Tão boas? Esse assunto sobre feridas de progressivas no cabelo sempre rende aqui no blog! Desde 2012 que a Técnica Química da Lokelani me ajuda aqui respondendo as leitoras com dúvidas e ainda assim o problema acontece e é pertinente! Então eu resolvi ir mais a fundo sobre o pus no Couro Cabeludo e o que Fazer?. 

Chamei a Adriana novamente para esclarecer algumas coisas sobre feridas e quando a coisa ta crítica, e acontece até esse pus no couro cabeludo. Juntando isso e mais outras dúvidas que as leitoras mandam nos comentários.


Vamos deixar claro que o fato de eu não indicar progressiva não significa que não são boas, porque quem usa corretamente e sabe as informações de quando passar e como cuidar não passa por problemas no couro cabeludo, reações e qualquer outro incomodo com o procedimento. Outra coisa é que essas químicas não devem ser feitas em casa.


O pessoal acha que basta fazer teste de mecha e sair aplicando em casa! Aprendi que as químicas podem ser muito mais perigosas do que imaginamos e que tem muito mais que "teste de mecha"em utilizar química, tem que saber o passo a passo correto, tem que saber a química que será utilizada e os cuidados pré e pós procedimento, e não é só no teste de mecha que começa a compatibilidade da química com seu cabelo, é no diagnóstico inicial! 

Outra coisa com esse problema é achar que posso resolver isso indicando qualquer tipo de produto. Então saiba que um problema desse tipo só pode ser resolvido com médico e que nada mais pode ser utilizado nesse cabelo! 

E… sim! O cabelo pode cair num deslize com a química. O cabelo pode partir, o cabelo pode despedaçar na sua mão e tudo pelo grau de penetração do produto no couro cabeludo e folículo e a química utilizada.

Então depois que sanar suas dúvidas sobre o assunto com a técnica química Adriana Freitas que entende do assunto, pense bem se vale a pena fazer isso sozinha novamente!
 

O que fazer se sair liquido do couro cabeludo?

Resposta da Química – Se queimar ou arder ou apresentar desconforto precisa enxaguar na hora. Pode TENTAR novamente aplicando somente nos fios, sem encostar no couro cabeludo. 

Se saiu líquido é porque já feriu a pele e é o mecanismo de defesa da pele. Não pode fazer mais nada, só ter cuidado e tratar a área que está saindo o líquido;
 

E se não parar de queimar o que faço?

Resposta da Química – Precisa procurar um médico.
 

Se formou placas no couro cabeludo posso arrancar?

Resposta da Química – Não, não pode. Espere secar que irá cair sozinho.
 

Se arrancar essas placas pode sangrar?

Resposta da Química – Sim, pode sangrar e pode deixar o organismo mais suscetível a contaminação microbiológica, o que pode fazer com que apareça infecções e agravar a situação.
 

O cabelo vai cair?

Resposta da Química – Depende do quanto afetou os folículos, mas mesmo se cair, ele nasce novamente. Precisa ter paciência.
 

Posso jogar Bepantol no couro cabeludo?

Resposta da Química – Aí melhor ver com o dermatologista mesmo.
 

Pode usar cosméticos?

Resposta da Química – Pode lavar com um shampoo neutro, shampoo baby, passar condicionador só bem longe da raiz mesmo e nada de escova e prancha e nem nenhum finalizador.
 

Ainda posso fazer progressiva ou botox? Quanto tempo para fazer?

Resposta da Química – Somente depois da pele voltar ao normal e precisa pedir pra cabeleireira não encostar no couro cabeludo, passar bem rente a raiz mas sem pegar a raiz, igual quando fazemos guanidina.
 

Vou ter sempre essas feridas quando fizer progressiva?

Resposta da Química – Aí depende do quanto a pele ficou sensível e depende de cada organismo então não tem como afirmar que sim ou que não.
 

Qual química causa isso? Acido glioxílico? Carbocisteína? Formol?

Resposta da Química – Geralmente é o pH bem extremo que causa feridas. Tanto o pH bem alto como os hidróxidos (sódio e guanidina) quanto o pH bem baixo das progressivas ácidas. Acredito que a maioria das progressivas ácidas POSSAM ser responsáveis pelo surgimento de feridas porém depende do produto, da formulação estar bem feita, ser um produto bem seguro, com registro na Anvisa, uma marca conceituada, mas além de tudo, depende de cada pessoa. Tem gente que é mais sensível.

Dica da Química

Quando usar qualquer coisa na cabeça, no corpo, nos olhos, no pé, em qualquer parte do corpo e sentir vermelhidão, ardor, coceira, qualquer coisa que incomode muito precisa parar o processo imediatamente

Para tudo e enxágua com água corrente até limpar por completo. 

Infelizmente algumas pessoas são alérgicas a alguns componentes de formulações e aí não tem o que fazer, não dá pra usar o produto e precisa partir para outra alternativa. 

Acontece até mesmo o fato da pessoa já fazer uso de um produto por diversas vezes e um belo dia a pessoa apresenta a alergia ou irritação. Sim, acontece. Pode ser o efeito de acúmulo no organismo, que uma hora não consegue mais lidar com a substância e apresenta a alergia. 

Fez em casa né? 

Ok, Fez em casa porque é mais barato e deu errado e não quer ir no dermato ou não pode ir ou não quer contar o que fez, sei lá, agora espera, tenha paciência que a pele regenera. Demora mas dá jeito. Nada de passar mais nada nos fios. NADA MESMO. Só lava bem de leve, shampoozinho neutro, condicionador só nas pontinhas, passar longe de secador e prancha e paciência que volta ao normal. 

Adriana obrigada!! Sua ajuda aqui é sempre esclarecedora!

Tem mais no blog sobre o assunto:


Este conteúdo é original de PnC - E teve a Colaboração da 😍Adriana Freitas, técnica química da Lokelani.