Cabelos finos: Dicas sobre Coloração.

Oi gente! Tão boas? Sabe o que é pegar o cabelo nas pontas e fechar numa mão? É isso cabelo fino, bem assim… uma mão abraça tudo, não é a toa que a dica maior pra esse tipo de cabelo além do fortalecimento é a estilização, só estilizando, dando volume ou cacheando você consegue transformar esse cabelo, daquele “tufo” que todo mundo vê, pra um cabelo cheio de viço.

Soluções para Cabelos Finos


É a verdade! Fazer o que?

Hoje em dia, parece que nem tem mais características pra tratar o cabelo, elas se unem nos procedimentos que você faz e nos danos que consegue, cabelo poroso,cabelo fino,  pontas finas e ralas, sebo na raiz…

Daí vem o cabelo fino, que nem é mais característica de quem nasce com o cabelo assim, já é notório em muitas meninas, com químicas e químicas no fio, tipo, pelo que vejo na rua, escola, cidade, é bem uns 70% contando liso e fino nas pontas, ainda tem algumas assim como eu que o cabelo chega a ser mais denso na cabeça, passou do pescoço é aquele trem de cabelo fino, que da até pra contar… juba? passa longe de ser uma juba, é só tufo mesmo!


Veja essa dica:
O pior no cabelo fino é que ele absorve tratamentos tanto quanto os perde se estiver com danos nas pontas ou no cabelo todo, assim as colorações são mais fáceis de pegar, até com menor volumagem de oxidante, mas também são mais fáceis de desbotar pela própria sensibilidade do fio, e quando não há proteção o cabelo mancha facilmente, e colorações sucessivas não resolvem se os danos forem grandes.

Chega né? Pra que sofrer com isso se tem truques que podemos fazer em casa? Não vou falar de alimentação ta? Vou considerar que todas vocês são ótimas na arte de cozinhar, e se alimentam adequadamente, vamos para os finalmente mesmo:

Dicas na hora da coloração:

Amor, tudo bem que seu cabelo é fino e pega facilmente com Ox de 30, mas se fizer sucessivas vezes, de maneira desordenada, sem saber realmente a cor que quer para o fio, e trocando de tinta, seu cabelo fino vai ficar poroso e pra quebrar é um passo muito pequeno; Defina a cor, mantenha tonalizando e retoque só a raiz, ou, se é daquelas que faz em casa com tinta de caixinha, ganhe espaço entre uma coloração permanente e outra;


Não se esqueça dessa dica:


A coloração esta totalmente ligada a força e resistência do cabelo, se não tem isso, os resultados não serão bons, visto que colorir também mexe, e muito, com a estrutura do fio, porque pigmentos permanentes atingem o córtex, não tem nada de superficial, ta la no meio da coisa pra ser duradouro, mas se seu cabelo esta poroso, ressecado nas pontas esse cabelo não vai segurar nem tinta permanente, e tudo por conta da cutícula, exposta, aberta e fissurada por falta de tratamento correto.

Então comece assim… Força, resistência pra obter a cor, como cabelo fino absorve bem tratamentos alia-se a isso, e não dê somente hidratações, dê o que precisa segundo suas necessidades, quer peso, ta muito frisado e ressecado, vá de manteiga, óleos, umectações, os danos são necessariamente queratina, proteínas e aminoácidos. Na verdade seu maior trunfo para uma coloração perfeita e duradoura é o tratamento no fio, nem que seja 15 dias antes, potencialize hidratações, faça queratinizações, umectações, deixa o cabelo lindo, e então venha com a cor.

Mas pra que vou tratar o cabelo fino, se a coloração abre a cutícula novamente?


Porque amiga… você não vai fechar a cutícula, vai tratar os danos dela, assim quando pintar o cabelo, a cutícula não será tão prejudicada como se fosse já estando com danos. Sem contar que os tratamentos que fizer após o uso da tinta só vem a ajudar na cor e no selamento e alinhamento do fio, deixando assim sua coloração bonita e perfeita.

Beijos

Ótimo Sábado pra vocês!